Celulares e PCs conduzirão recuperação da tecnologia em 2010

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010 15:09 BRST
 

Por Gabriel Madway

SAN FRANCISCO, Estados Unidos, 4 de janeiro (Reuters) - Com a chegada das companhias de tecnologia a Las Vegas para a exposição anual dos eletrônicos na Consumer Electronics Show, em janeiro, os investidores estão apostando em outro bom ano para o setor.

O clima na CES 2010 deve ser mais positivo que o do começo de 2009, quando a economia estava em profunda recessão e os mercados financeiros haviam sofrido um abalo devido à crise de crédito.

As ações de tecnologia se recuperaram, posteriormente, e o índice composto Nasdaq fechou 2009 com mais de 40 por cento de alta, e perto de sua mais alta cotação em 15 meses. Os analistas dizem que os gastos empresariais mais fortes com informática, a explosão de atividades relacionadas a celulares inteligentes e computação móvel e uma onda de consolidação devem estimular ainda mais o setor de 2010.

Brian Marshall, analista da Broadpoint AmTech, previu uma ascensão de quase 15 por cento no Nasdaq, apontando que algumas das boas notícias já haviam sido incorporadas aos preços das ações.

"Vai ser difícil encontrar áreas que não se sairão bem neste ano", disse Marshall.

O ponto alto da lista para muitos dos analistas são as grandes empresas do setor, tais como Google, Apple, Cisco Systems e Intel.

Mas com a recuperação econômica lentamente ganhando raízes e as empresas começando a atualizar seus sistemas de informática uma vez mais, os analistas dizem que 2010 oferecerá gama mais ampla de oportunidades aos investidores em tecnologia.

O Windows 7, o mais recente sistema operacional da Microsoft, deve ajudar a estimular a venda de computadores pessoais, e o grupo de pesquisa de mercado IDC prevê crescimento anual de dois dígitos nas vendas de computadores até 2013.   Continuação...