Nokia abre novo processo contra a Apple por violação de patentes

terça-feira, 5 de janeiro de 2010 10:26 BRST
 

Por Tarmo Virki

HELSINQUE, 5 de janeiro (Reuters) - A Nokia, maior fabricante mundial de celulares, abriu outro processo contra a Apple por alegadas violações de patentes, numa disputa legal cada vez mais acirrada entre as duas líderes do mercado de telefones inteligentes (smartphones).

A Nokia entrou com o processo em um tribunal de Delaware nos Estados Unidos em 29 de dezembro com a intenção de penalizar a Apple por violar sete patentes da Nokia na maior parte de seus produtos, segundo mostram os documentos do tribunal.

O processo coincide com uma queixa feita na Comissão Internacional de Comércio dos Estados Unidos (ITC) sobre as mesmas patentes, que a Nokia diz que a Apple violou em "virtualmente todos seus telefones celulares, players portáteis e computadores" vendidos.

A Nokia precisa pedir por indenização no caso em Delaware porque o ITC não decide sobre compensações financeiras.

As sete patentes nos dois casos colocam que a tecnologia da Nokia foi usada pela Apple para criar atributos na interface, câmera, antena e tecnologia de uso de energia.

No ano passado, ambas as empresa abriram processos de violação de patentes uma contra a outra.

A Nokia não tem conseguido sucesso no crescente setor de smartphones e a Apple ganhou muito terreno da líder de mercado graças ao iPhone, mas ainda fica atrás de Nokia em venda de smartphones.

A Apple, que entrou na indústria em meados de 2007, superou a Nokia em setembro como a fabricante de celular que gera o maior lucro operacional.

(Reportagem de Tarmo Virki)

 
<p>Um celular Nokia N93i com mapa &eacute; mostrato em Helsinque. A Nokia, maior fabricante mundial de celulares, abriu outro processo contra a Apple por alegadas viola&ccedil;&otilde;es de patentes, numa disputa legal cada vez mais acirrada entre as duas l&iacute;deres do mercado de telefones inteligentes (smartphones).13/10/2009.LEHTIKUVA/Kimmo Mantyla</p>