Rumores sobre Telefónica/Telecom Itália são falsos, diz Espanha

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010 13:35 BRST
 

BARCELONA (Reuters) - O ministro da Indústria espanhol, Miguel Sebastian, disse que alguns rumores que circularam sobre uma aquisição iminente da Telecom Itália pela espanhola Telefónica foram inventados, reiterando ao mesmo tempo, porém, que o governo não vai intervir em qualquer transação possível.

"O governo sempre disse que não temos nada a dizer sobre esse acordo entre as empresas. Mas não acho certo que sejam inventadas histórias falsas", disse Sebastian a jornalistas numa feira de empresas de telefonia celular em Barcelona.

Sebastian não especificou se estava fazendo referência a relatos divulgados recentemente na Itália de que a Telefónica teria recebido do governo de Silvio Berlusconi o sinal verde para adquirir a Telecom Itália, ou se aludia a outro relato publicado pelo jornal espanhol El País.

O El País informou que o governo espanhol é a favor de a Telefónica comprar a Telecom Itália, depois da aquisição pela empresa energética italiana Enel da companhia espanhola Endesa.

"O governo espanhol quer encerrar sua Presidência europeia com uma grande transação envolvendo empresas", disse o El País no domingo.

Em janeiro, a Telefónica desmentiu que estivesse em negociações com a Telecom Itália, e seu presidente, Cesar Alierta, disse no início deste mês que a prioridade de sua empresa é explorar sinergias de sua parceria industrial com a Telecom Itália.

A Telefónica começou a participar da Telecom Itália em 2007 e atualmente possui participação indireta de cerca de 10 por cento na empresa italiana.

(Reportagem de Robert Hetz)

 
<p>O ministro da Ind&uacute;stria espanhol, Miguel Sebastian, negou que a Telef&oacute;nica e a Telecom Italia estariam negociando uma fus&atilde;o. 11/01/2010 REUTERS/Juan Medina</p>