Redes sociais conquistam internautas espanhóis

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010 18:48 BRT
 

MADRI (Reuters) - Cerca de 71,3 por cento dos espanhóis são membros de alguma rede social na Internet, um aumento de 20,5 por cento em relação ao ano passado no uso de sites que conquistaram os internautas na Espanha, segundo estudo divulgado nesta sexta-feira.

O Facebook é a rede social mais popular da Espanha, já que 61,7 por cento dos internautas do país estão inscritos no site, seguido do site Tuenti com 20,8 por cento, de acordo com a 12a pesquisa da Associação para a Investigação de Meios de Comunicação (AIMC) com usuários de Internet.

Quase metade dos entrevistados (43,5 por cento) usam redes sociais diariamente, enquanto 50 por cento usam pelo menos uma vez por semana. As relações de amizade são apontadas por quase 80 por cento dos usuários como principal motivo para uso de redes sociais, seguido por hobbies, com 27 por cento.

A outra principal forma de se entrar em contato com outros online são os programas de mensagens instantâneas. O líder disparado desses aplicativos é o Windows Live Messenger/MSN Messenger, com 53,3 por cento, embora tenha caído quase 8 pontos em relação ao ano anterior. Em segundo lugar está o Skype, com 7,8 por cento do mercado, tendo ganho 2,5 pontos ante 2008.

Outro programa da Microsoft que vê seu domínio ameaçado é o navegador Internet Explorer, cujo uso caiu pelo segundo ano consecutivo para 51,4 por cento do total. O navegador sofreu uma queda de 20 pontos percentuais em dois anos, enquanto o Firefox, da Mozila, ganha força, com uma fatia de mercado de 37,6 por cento na Espanha. Já o novo navegador do Google, Chrome, conta com 7 por cento de participação de mercado.