Fabricantes de chips para iluminação aproveitam boom de TVs LCD

quinta-feira, 4 de março de 2010 18:39 BRT
 

Por Manasi Phadke

BANGALORE (Reuters) - O crescente mercado de televisores e monitores LCD deve ajudar algumas pequenas e médias empresas que produzem os chips usados na iluminação dos fundos dos aparelhos.

Televisores LCD precisam de "backlight", ou iluminação por trás, que é feita ou através de LEDs, para o qual é necessário o uso de chips, ou pelas tradicionais lâmpadas fluorescentes de catodo frio (CCFL, na sigla em inglês).

Fabricantes de TVs LCD estão, cada vez mais, escolhendo a primeira, uma vez que os aparelhos ficam com tela mais fina, gastam menos energia e produzem imagens melhores que as iluminadas com CCFLs.

Como resultado, fabricantes de produtos semicondutores de nicho que fabricam chips de LED como Supertex, Monolithic Power e Microsemi devem se beneficiar do crescimento no mercado de televisores LCD.

"Acho que, inicialmente, enquanto o mercado for jovem, as empresas menores irão se beneficiar mais", disse o analista Tore Svanberg, da Thomas Weisel.

Iluminação por LEDs já é usada em celulares há tempos, mas, ao passo que cada vez mais fabricantes de TVs e monitores passem a usar a tecnologia, isso dará às fabricantes de chips uma injeção de adrenalina.

"O motor do mercado no momento são os televisores com LED", disse o analista Daniel Amir, da Lazard Capital Markets. "Esse é um negócio grande, muito grande", acrescentou.