10 de Março de 2010 / às 12:59 / em 8 anos

Positivo reverte prejuízo e lucra R$47,9 mi no 4o tri

SÃO PAULO, 10 de março (Reuters) - A Positivo Informática, maior fabricante de computadores do país, registrou um lucro líquido de 47,9 milhões de reais no quarto trimestre de 2009, revertendo um prejuízo de 25 milhões de reais um ano antes.

A geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) encerrou os últimos três meses de 2009 em 66 milhões de reais, salto de 168 por cento sobre os 24,6 milhões de reais um ano antes.

No ano, o lucro líquido foi de 127,7 milhões de reais com 177 milhões de reais em Ebitda, quedas de 13,2 e 9,8 por cento, respectivamente.

A Positivo afirma que conseguiu crescer suas vendas unitárias de computadores em 10,9 por cento em mercado que encolheu 6,4 por cento em 2009. Para 2010, a expectativa é de recuperação no segmento corporativo, o mais impactado pela crise devido à queda de investimentos por parte das empresas.

De acordo com a companhia, “a evolução positiva do varejo está incentivando a retomada natural da competição”, enxergando “um cenário promissor para o mercado de PCs”.

A empresa fechou o ano com uma participação total no mercado brasileiro de computadores de 16,1 por cento, com vendas recordes de cerca de 1,78 milhão de unidades em 2009.

No ano, as vendas no varejo cresceram 21,4 por cento e no segmento corporativo recuaram 9,6 por cento.

O destaque nas vendas totais em volume foi a categoria de notebooks, que cresceu 50,2 por cento em 2009, para 714,17 mil unidades.

Em 2009, o faturamento da empresa subiu 12,5 por cento, para 2,18 bilhões de reais.

O preço médio dos PCs subiu ligeiros 2,7 por cento em 2009, para 1.362 reais, devido à maior participação de notebooks no mix de produtos, uma vez que o preço médio dos desktops caiu devido a menores vendas para governo e empresas.

A companhia investiu 33,3 milhões de reais em 2009, a maior parte em software de gestão empresarial. A previsão para 2010 é de expansão de 53,4 por cento, para 51,1 milhões de reais, com o grosso dos recursos sendo direcionado “para um eventual incremento de capacidade produtiva”.

Por Rodolfo Barbosa; Edição de Alberto Alerigi Jr.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below