B2W vai priorizar investimento em tecnologia em 2010

sexta-feira, 12 de março de 2010 15:10 BRT
 

Por Vivian Pereira

SÃO PAULO, 12 de março (Reuters) - Com o objetivo de ampliar sua fatia de participação no varejo doméstico, a B2W vai retomar este ano a estratégia de investimentos que havia sido reduzida no final de 2008 em decorrência da crise.

A empresa resultante da fusão entre Americanas.com e Submarino prevê investir em 2010 entre 200 milhões e 250 milhões de reais, que serão destinados, principalmente, a inovação tecnológica.

"Precisamos ter robustez tecnológica, principalmente na área logística, buscando melhorar nosso desempenho operacional", disse o diretor financeiro da B2W, Murilo Corrêa, em teleconferência para comentar os resultados de 2009.

O aporte anunciado ajuda a compor um cenário cada vez mais competitivo para o segmento de comércio eletrônico. Há cerca de duas semanas, o grupo Carrefour lançou sua plataforma de vendas online e, ainda no primeiro semestre, deve entrar em operação a Nova Pontocom, formada por Pão de Açúcar, Casas Bahia e Ponto Frio.

Atenta à concorrência, a B2W conta com um estudo em andamento que vai dimensionar o potencial de crescimento do mercado de comércio eletrônico em 2010, segundo Corrêa. "Enquanto o estudo não é concluído, trabalhamos com uma estimativa de que o setor cresça entre 15 e 35 por cento", afirma.

Em 2009, a receita bruta de vendas da companhia avançou 14 por cento, totalizando 4,9 bilhões de reais. A receita líquida, por sua vez, cresceu 22 por cento, a 3,793 bilhões de reais.

"Para 2010, a expectativa é que o patamar de crescimento de venda da B2W seja superior ao apresentado em 2009", afirmou a empresa, no demonstrativo de resultados, divulgado nesta sexta-feira.

LUCRO   Continuação...