Nokia planeja lançar serviço de música na Índia

sexta-feira, 9 de abril de 2010 10:12 BRT
 

HONG KONG, 9 de abril (Reuters) - A Nokia anunciou na sexta-feira que está planejando lançar em breve o seu serviço de download de música na Índia, depois do lançamento na China, tentando usar os mercados emergentes para reanimar o projeto.

A Nokia havia informado esta semana que levaria o serviço Comes with Music à Índia depois da China, mas não havia mencionado um cronograma. O lançamento na Índia acontecerá "muito em breve", disse David Tang, vice-presidente do conselho da Nokia China, à Reuters durante o Boao Forum, na ilha tropical de Hainan, sul da China.

"Trata-se de um mercado prioritário para nós no futuro", disse, acrescentando que a Nokia planeja continuar expandindo a cobertura geográfica do serviço, disponível atualmente em 30 mercados.

A maior fabricante mundial de celulares anunciou na quinta-feira que lançará o Comes with Music na China, oferecendo música com seus celulares em um esforço para competir com a popular loja iTunes, da Apple.

Com mais de 700 milhões de usuários de celulares, a China é o maior mercado mundial de telefonia móvel por número de clientes. Mas a pirataria descontrolada no país impede que a maioria das grandes gravadoras e estúdios de cinema realize receitas significativas em seu mercado apesar do imenso potencial.

A Nokia revelou o Comes with Music no final de 2008, mas o serviço não conquistou apoio entre as operadoras de telefonia móvel e não avançou muito nos mercados desenvolvidos, desde então.

No começo do ano, Niklas Savander, diretor de serviços da Nokia, disse à Reuters que a oferta da empresa no setor se concentrará cada vez mais nos mercados emergentes.

Tang também afirmou, separadamente, que a Nokia no momento oferece na China apenas um produto que opera no padrão de terceira geração do país, o TD-SCDMA, mas está trabalhando para expandir o oferta.

Os problemas de desenvolvimento da tecnologia e a falta de produtos vêm sendo sérios fatores de inibição no desenvolvimento de uma rede nacional TD-SCDMA pela maior operadora chinesa, a China Mobile.

Mas Tang disse que mais celulares TD-SCDMA Nokia estão sendo preparados. A Nokia vendeu 72 milhões de celulares na China em 2009, o que a tornou líder do mercado do país em termos de volume.