Panasonic planeja construir fábrica de ar condicionado na Índia

sexta-feira, 16 de abril de 2010 09:32 BRT
 

TÓQUIO (Reuters) - A fabricante de bens eletrônicos de consumo Panasonic anunciou nesta sexta-feira que investirá 160 milhões de dólares na construção de uma fábrica de aparelhos de ar condicionado na Índia, com o objetivo de reforçar suas vendas no país em 500 por cento nos próximos três anos.

O investimento acompanha a estratégia da empresa de elevar as vendas internacionais, de acordo com o porta-voz Akira Kadota.

A Panasonic planeja gerar 55 por cento de sua receita total fora do Japão no ano fiscal que se encerra em 31 de março de 2013, ante os atuais 47 por cento, ele disse.

A empresa depende mais fortemente de um mercado interno em retração, ao contrário de rivais como a Sony, para a qual mais de 70 por cento das vendas ocorrem no exterior.

A nova fábrica de aparelhos de ar condicionado, no Estado de Haryana, região norte da Índia, entrará em operação em 2012.

Kadota informou que a Panasonic planejava investir 30 bilhões de ienes (320 milhões de dólares) na Índia em três anos, a partir do ano-fiscal de 2010/2011.

A empresa quer elevar suas vendas na Índia a cerca de 200 bilhões de ienes no ano fiscal que se encerrará em março de 2013, ante 40 bilhões de ienes agora, disse Kadota.

(Reportagem de Yuko Inoue)