Filhos de Michael Jackson viram estrelas após vídeos vazados

quinta-feira, 13 de maio de 2010 18:48 BRT
 

LOS ANGELES (Reuters) - Os filhos do cantor Michael Jackson, que antes viviam uma vida isolada e protegida, viraram sensações na Internet depois de vídeos caseiros de duas das três crianças fazendo estripulias diante de webcams terem vazado para o YouTube.

Jackson, que morreu em junho do ano passado de uma overdose de medicamentos fortes, quando tinha 50 anos, fez um esforço enorme para manter Prince Michael, 13 anos, Paris, 12 e Prince Michael II, 8, longe dos olhos do público, chegando a cobrir os rostos deles quando saíam de casa.

Menos de um ano após sua morte, porém, dois deles - vistos em público pela última vez na cerimônia de entrega dos prêmios Grammy, em janeiro - estão chamando a atenção pública com até nove videoclipes mostrando Paris e Prince Michael II, que vazaram para a Internet.

O avô das crianças, Joe Jackson, disse ao site de celebridades Popeater que a família está revoltada com o vazamento, tendo aderido ao desejo de Michael Jackson de mantê-los longe dos holofotes da mídia e não desejando que os vídeos sejam mostrados para o público.

Ele confirmou que não foram as crianças que postaram os clipes na Internet. O dono da conta do site de fãs KingofPop-Kids.com, em língua francesa, que postou vários dos clipes, disse que fãs de Michael Jackson foram responsáveis por invadir contas Web da família.

"Não sabemos quem foi (o hacker), mas estamos tentando descobrir", disse Joe Jackson.

A CNN disse que os vídeos já estavam circulando na Internet havia duas semanas, em abril, quando membros mais velhos da família Jackson tomaram conhecimento do fato e os tiraram da rede, mas até então outros usuários do YouTube já tinham feito cópias e republicado os vídeos, atraindo centenas de milhares de internautas.

Telefonemas feitos a representantes da família Jackson não foram respondidos.

Os videoclipes mostram as duas crianças fazendo brincadeiras, como quaisquer outras crianças.   Continuação...