Opera passa por boom de downloads na Europa, diz empresa

quinta-feira, 20 de maio de 2010 10:18 BRT
 

Por Tarmo Virki

PARIS, 20 de maio (Reuters) - A Opera Software viu o número diário de downloads de seus navegadores até triplicar nos países europeus, depois que a Microsoft começou a oferecer aos consumidores maior acesso a browser rivais do Internet Explorer.

"Vemos alta significativa em nossa base de usuários... em termos gerais, temos de nos declarar satisfeitos", disse Jon von Tetzchner, co-fundador da Opera, durante o Reuters Global Technology Summit, em Paris, nesta quinta-feira.

O Opera é o quarto browser mais utilizado da Europa, depois do Internet Explorer, do Mozilla Firefox e do Google Chrome.

Em dezembro de 2009, as autoridades regulatórias da União Europeia aceitaram o compromisso da Microsoft quanto a oferecer aos consumidores acesso melhor aos navegadores concorrentes, pondo fim a uma longa disputa antitruste.

Desde o começo de março, a Microsoft vem oferecendo aos europeus a opção de selecionar entre 12 navegadores nos mais de 100 milhões de computadores pessoais novos e antigos que usam Windows.

A Opera, cujo navegador para aparelhos sem fio é o mais usado mundialmente, lançou um browser para iPhone no mês passado, a primeira produtora desse tipo de software a ganhar acesso ao iPhone, e disse que provavelmente também criaria uma versão especial do programa para o Apple iPad.

"É natural para nós estarmos lá", disse Tetzchner.

A Nokia, que até o momento vinha usando o Opera em seus celulares de preço médio, adquiriu a Novarra, uma concorrente da empresa, no começo do ano, o que despertou o temor de que a gigante finlandesa dos celulares deixe de usar o Opera em seus aparelhos.   Continuação...