Fãs fazem fila para comprar iPad em seu lançamento internacional

sexta-feira, 28 de maio de 2010 08:38 BRT
 

Por Nobuhiro Kubo and Jens Hack

TÓQUIO/MUNIQUE (Reuters) - Consumidores ansiosos tomavam as lojas da Apple na Ásia e na Europa com a chegada do computador tablet iPad às prateleiras fora dos Estados Unidos pela primeira vez nesta sexta-feira.

O aparelho, um pouco menor que uma folha de tamanho carta e com uma tela sensível ao toque, é projetado para navegar na web, assistir a filmes e ler livros, e tem sido exaltado pela indústria editorial como um potencial salva-vidas.

A Apple já vendeu 1 milhão de iPads nos Estados Unidos desde sua estreia em 03 de abril, superando as estimativas mais otimistas de pré-lançamento. A procura foi tão intensa que a empresa atrasou o lançamento internacional em um mês.

A RBC Capital Markets estima que as vendas do iPad chegarão a 8,13 milhões de unidades no mundo até o final do ano.

"Eu queria tocá-lo o mais rapidamente possível. Senti uma emoção real quando o tive finalmente em minhas mãos", disse Takechiyo Yamanaka, 19 anos, que acampou em frente à loja da Apple em Tóquio na noite de quarta-feira para ser o primeiro na fila.

"Eu não vou comprar o iPad agora porque é caro. E eu sou um fã da Sony", disse Kengo Nakajima, um estudante universitário de 19 anos que acompanhava uma amiga na fila na loja da Apple em Ginza, distrito de Tóquio.

"É meio que uma decisão súbita, uma decisão emocional, porque realmente não é racionalmente justificável", disse Anna Kistner enquanto saía da loja da Apple em Munique, na Alemanha, com dois iPads. "É muito dinheiro".

O iPad está à venda na Alemanha, França, Itália, Suíça, Espanha, Grã-Bretanha, Japão, Austrália e Canadá.   Continuação...

 
<p>Pessoas esperam na fila para comprar iPad em Berlim. Consumidores ansiosos tomavam as lojas da Apple na &Aacute;sia e na Europa com a chegada do computador tablet iPad &agrave;s prateleiras fora dos Estados Unidos pela primeira vez nesta sexta-feira.28/05/2010.REUTERS/Tobias Schwarz</p>