Apple afirma ter vendido 2 milhões de iPads em 2 meses

segunda-feira, 31 de maio de 2010 12:06 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - A Apple disse nesta segunda-feira ter vendido 2 milhões de unidades do iPads desde o lançamento do tablet nos Estados Unidos há dois meses, e que iniciou a venda em nove mercados estrangeiros no último final de semana.

A empresa não especificou as vendas regionais no comunicado, mas tinha dito anteriormente que vendeu 1 milhão de iPads no primeiro mês nos Estados Unidos desde o lançamento em 3 de abril -- ultrapassando a marca mais rápido que o iPhone.

Fãs pelo mundo todo se mobilizaram na sexta-feira, dia do lançamento oficial o iPad na Austrália, Canadá, França, Alemanha, Itália, Japão, Suíça e Reino Unido.

A Apple atrasou o lançamento internacional do tablet em um mês uma vez que teve dificuldade em atender a demanda pelo aparelho, que recebeu boas avaliações por seus atributos de vídeos e jogos, livros e revistas digitais e navegação na Internet.

A Apple disse que o iPad será lançado em mais nove países em julho, e mais outros mercado mais adiante no ano.

A RBC Capital Markets estimou que as vendas totais do iPad cheguem a 8,13 milhões de unidades pelo mundo até o fim do ano -- o que geraria cerca de 4 bilhões de dólares em receita.

(Reportagem de Tiffany Wu)