Apple revela iPhone 4 para se defender do Google

segunda-feira, 7 de junho de 2010 19:09 BRT
 

Por Gabriel Madway e Alexei Oreskovic

SAN FRANCISCO (Reuters) - O novo iPhone da Apple chega às prateleiras ainda este mês, com a companhia buscando permanecer na dianteira no mercado de smartphones frente à crescente concorrência de empresas como Google.

O presidente-executivo da Apple, Steve Jobs, surpreendeu nesta segunda-feira com o iPhone 4, mais fino que a versão anterior do aparelho, com uma qualidade de imagem duas vezes melhor, além de um novo processador --o A4 da Apple-- e capacidade de videoconferência, por um preço de 199 dólares.

Jobs afirmou na conferência anual da empresa em San Francisco que o novo aparelho será vendido em cinco países a partir de 24 de junho, que será expandido para 18 países em julho e 88 em setembro. Será o lançamento internacional mais rápido do iPhone.

Mas muitas das novidades tecnológicas do iPhone 4 já eram esperadas, e analistas afirmaram que o aparelho precisa de muito para se destacar. O sistema operacional Android, do Google --usado em smartphones da Motorola, HTC, Samsung e Dell-- é a principal ameaça ao domínio do iPhone, segundo analistas.

O primeiro iPhone foi lançado em 2007 e trazia muitas funções que foram adotadas por concorrentes, como tela sensível a toque.

E o mercado de celulares inteligentes está explodindo. Segundo pesquisa do grupo Gartner, as vendas globais de smartphones saltaram quase 50 por cento no primeiro trimestre.

O iPhone também foi o grande propulsor da margem de lucros da Apple, transformando a empresa em uma das maiores fabricantes de eletrônicos do mundo e criando a base de uma disputa que seguirá durante anos no mercado de smartphones.

A Apple vendeu 8,75 milhões de iPhones no último trimestre, número recorde que representou 40 por cento de sua receita.

 
<p>O presidente-executivo da Apple, Steve Jobs, revelou o novo iPhone 4 em confer&ecirc;ncia nesta segunda-feira. 07/06/2010 REUTERS/Robert Galbraith</p>