Fãs da Apple perdem sono e tomam chuva pelo iPhone 4

quinta-feira, 24 de junho de 2010 10:05 BRT
 

Por Sachi Izumi e Courtney Hoffman

TÓQUIO/ SAN FRANCISCO, 24 de junho (Reuters) - Centenas de fãs formaram longas filas em lojas de Tóquio para se tornarem os primeiros compradores do iPhone 4. Do outro lado do mundo, alguns deles formaram fila em San Francisco para aguardar a chegada do celular em cinco das seis maiores economias do mundo.

As vendas do iPhone 4, que possui tela com imagem de melhor qualidade e bateria com duração maior que seu antecessor, superaram as expectativas, sobrecarregando sistemas e levando a Apple e as operadoras de telefonia móvel a suspender pré-encomendas devido ao esgotamento de estoques.

No Japão, onde o aparelho foi lançado antes de outros países devido à diferença no fuso horário, consumidores se vestiram de iPhone ou pintaram imagens do aparelho no rosto.

"Não consigo parar de sorrir", disse Noboru Takahashi, músico que estava esperando na fila desde segunda-feira na principal loja do Softbank em um elegante bairro comercial de Tóquio. Ele era o primeiro em uma fila com mais de 300 pessoas.

O iPhone conquistou sucesso desde seu lançamento, em 2007, elevando as margens de lucro da Apple e suas ações a patamares recordes.

No entanto, a escassez de componentes, que um analista diz ter sido agravada pela falta de telas LCD, pode limitar as vendas e prejudicar a Apple no momento em que ela passar a enfrentar uma sucessão de novos rivais poderosos equipados com o sistema operacional Android, do Google.

"Os Droids estão chegando e a atual demanda pelo iPhone 4 indica que uma batalha de titãs é iminente entre Apple e Google", afirmou a comScore, uma empresa que acompanha a audiência da Internet, em comunicado.

A Apple anunciou vendas de mais de 600 mil iPhone 4, um recorde para um único dia de pré-vendas, na semana passada; o número significa que ela vendeu 7 aparelhos por segundo.   Continuação...

 
<p>Clientes fazem fila pelo iPhone 4. Centenas de f&atilde;s formaram longas filas em lojas de T&oacute;quio para se tornarem os primeiros compradores do iPhone 4. Do outro lado do mundo, alguns deles formaram fila em San Francisco para aguardar a chegada do celular em cinco das seis maiores economias do mundo.24/06/2010.REUTERS/Yuriko Nakao</p>