Consumidor do Japão não tem interesse em TV 3D "quatro olhos"

sexta-feira, 2 de julho de 2010 11:26 BRT
 

TÓQUIO, 2 de julho (Reuters) - Fabricantes japoneses de televisores podem estar preparando suas armas na batalha pelas imagens em três dimensões, mas os consumidores do Japão não têm interesse em acompanhar a disputa enquanto precisarem de óculos especiais, afirma uma pesquisa divulgada nesta sexta-feira.

Segundo o levantamento, quase 70 por cento dos pesquisados afirmaram que não têm planos de comprar televisores 3D.

Os pesquisados afirmaram que não se sentem atraídos pela tecnologia que exige óculos especiais para se ver imagens 3D e também reclamaram dos elevados preços e falta de conteúdo compatível. A pesquisa foi realizada pelo site de comparação de preços Kakaku.com.

Fabricantes como Panasonic e Sony correram para trazer televisores 3D ao mercado este ano, esperando que o sucesso da tecnologia nos cinemas com filmes como "Avatar" e "Alice no País das Maravilhas" este ano se replicasse nas casas dos espectadores.

Mas 67,4 por cento dos entrevistados disseram que não estão interessados em comprar TVs 3D enquanto 31,2 por cento deles avaliam a comprar uma, de acordo com a pesquisa.

"As expectativas de fabricantes de televisores sobre a tecnologia 3D estão altas mas olhando para o grau de interesse dos consumidores há um grande vazio ante o entusiasmo dos fabricantes", disse Tsuyoshi Kamada, diretor da Kakaku.com.

Dos que disseram que não têm planos para comprar uma TV 3D, quase 70 por cento citaram o incômodo de se usar óculos especiais, 57 por cento afirmaram que os preços são muito altos e quase 40 por cento disseram que não há conteúdo 3D suficiente.

A Sony lançou videogames 3D para o PlayStation 3 e a operadora de cabo japonesa J:Com ofereceu uma pequena seleção de programas em 3D por meio de um serviço sob demanda.

O Kakaku.com conduziu a pesquisa entre 10 e 16 de junho, recebendo respostas de 8.957 pessoas.