Telefónica reitera que oferta por Vivo expira na sexta

terça-feira, 13 de julho de 2010 07:44 BRT
 

MADRI (Reuters) - O presidente da Telefónica, César Alierta, disse nesta terça-feira que a oferta da operadora espanhola pela participação da Portugal Telecom na Vivo expira na sexta-feira, dia 16, se recusando a fornecer mais detalhes a jornalistas.

"Eu volto a reiterar que termina no dia 16 (de julho)", afirmou Alierta em resposta a uma pergunta sobre se a Telefónica espera chegar a um acordo com a Portugal Telecom sobre a compra de sua parte de 30 por cento na Vivo.

Telefónica e Portugal Telecom detêm 60 por cento da Vivo por meio da Brasilcel.

Questionado sobre a possibilidade da Telefónica recorrer a um tribunal internacional de arbitragem para obter a dissolução da Brasilcel, conforme informou o jornal ABC nesta terça-feira, Alierta se mostrou relutante.

"Na relação entre a Telefónica e Portugal (Telecom), nós somos dois sócios, eu acho que ninguém tem que interferir", disse ele. "O casamento aconteceu entre Portugal Telecom e Telefónica."