Lonely Planet lança guias eletrônicos de viagem interativos

segunda-feira, 2 de agosto de 2010 14:28 BRT
 

Por Patricia Reaney

NOVA YORK (Reuters) - A Lonely Planet, editora de uma linha popular de guias de viagens, lançou livros eletrônicos interativos para o iPad na segunda-feira, sobre destinos turísticos populares na Europa.

Guias eletrônicos sobre a Itália, Espanha, França, Reino Unido e Irlanda, cada um contendo mais de três mil links e pontos de interesse integrados, serão vendidos na loja iBook, da Apple.

"O livro eletrônico na loja iBook foi uma nova fronteira para nós, o que realmente cria um nível de atividade interna para o guia que não existia anteriormente," disse John Borris, vice-presidente executivo da editora. "Acreditamos que sejam os guias eletrônicos de viagens dotados de mais recursos que existem no mercado."

Os cinco guias eletrônicos iniciais serão seguidos por livros interativos sobre o Japão, Tailândia e Austrália.

"Nós nos concentramos em países para os quais os norte-americanos mais viajam em suas férias de verão. A Europa é o principal destino de férias dos norte-americanos, nessa época do ano," explicou Boris.

Os aparelhos de leitura eletrônica estão mudando o aspecto do setor editorial e ganhando popularidade junto aos consumidores. A Forrester Research, uma empresa independente de pesquisa de mercado e tecnologia, estimou no ano passado que 10 milhões de leitores eletrônicos serão vendidos nos Estados Unidos até o final de 2010.

Inspirados pela linha Discover de guias de viagem da editora, que apresenta itinerários personalizados de viagem, mapas e dicas, Boris diz que os guias eletrônicos permitirão que os leitores planejem suas viagens com antecedência, criem listas de páginas favoritas, façam anotações, pesquisem sobre os pontos de interesse integrados e localizem conteúdo específico.

"Os livros servem a quem quer que deseje conhecer os pontos principais de um lugar e visitar os locais obrigatórios naquele destino," explicou o executivo, acrescentando que os guias eletrônicos, embora criados especificamente para o iPad, também podem ser usados com o iPhone dotado do software 4.0.

Ele acredita que os guias eletrônicos, que terão preço de venda de 14,99 dólares, chegarão a um novo grupo de pessoas que de outra forma talvez não adquirissem um guia de viagem.