China lança novo satélite de posicionamento global

segunda-feira, 2 de agosto de 2010 16:21 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - A China deu mais um passo para acabar com sua dependência dos satélites norte-americanos ao oferecer serviços de navegação e posicionamento.

Um foguete levando o quinto de um conjunto planejado de 35 satélites futuramente em órbita decolou do centro de lançamento espacial Xichang, em Sichuan, sudoeste chinês, reportou a agência oficial de notícias Xinhua.

Pequim começou a encerrar sua dependência do Sistema de Posicionamento Global (GPS, na sigla em inglês) dos Estados Unidos em 2000, quando colocou em órbita um par experimental de satélites de posicionamento.

Os satélites chineses pretendem oferecer serviços de navegação e de mensagem de curto tempo na região da Ásia-Pacífico antes de 2012 e será capaz de disponibilizar a navegação global até 2020, disse a Xinhua.

O sistema, com apelido de "Compass", será crucial para os setores de transporte e de exploração de petróleo, assim como para a previsão de desastres naturais, para a segurança pública e nas telecomunicações, afirmou a agência de notícias.

(Reportagem de Alan Wheatley)