Site norte-americano de vídeos Hulu planeja IPO, diz fonte

segunda-feira, 16 de agosto de 2010 15:35 BRT
 

Por Jennifer Saba e Soyoung Ki

NOVA YORK (Reuters) - O site Hulu, serviço de vídeos online que transmite séries como "Glee" e "Modern Family", além de vários filmes, planeja fazer uma oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês) que pode precificar a empresa em mais de 2 bilhões de dólares, afirmou nesta segunda-feira uma fonte a par do assunto.

O serviço, lançado a três anos, que conta como apoio de alguns dos estúdios e redes de TV mais importantes dos EUA, pode abrir seu capital ainda este ano, disse a fonte. Os planos para um IPO ainda podem ser adiados ou suspensos, no entanto, e detalhes sobre o volume da operação e possível estrutura de controle continuam incertos.

Mas o fato de que a empresa estaria estudando a possibilidade demonstra o quão rápida está sendo a mudança nos modelos de distribuição de filmes e programas de TV: assistir a esses vídeos na Web deixou de ser uma prática reservada aos nerds (pelo menos nos Estados Unidos, única região em que o serviço está disponível até o momento).

O controle do site está nas mãos das redes de TV NBC Universal, da General Electric, ABC, da Walt Disney, e Fox Networks, da News Corp, além do grupo de private equity Providence Equity Partners.

Hulu e News Corp não quiseram comentar a informação, enquanto que não foi possível contatar a Walt Disney e a NBC. A notícia foi veiculada inicialmente pelo jornal The New York Times.

O Hulu foi lançado como um serviço gratuito de streaming para computadores, dependendo de sua receita com publicidade. No mês passado, o site lançou um serviço de assinatura paga para aparelhos móveis, consoles de videogame e televisões para ter equilíbrio entre os dois modelos de financiamento.