Telmex pode entrar no mercado de televisão no México

terça-feira, 17 de agosto de 2010 18:16 BRT
 

Por Cyntia Barrera Diaz

CIDADE DO MÉXICO (Reuters) - O bilionário mexicano Carlos Slim pode finalmente conseguir a aprovação do governo para entrar no lucrativo mercado de televisão no México, setor considerado chave para seu conglomerado de telecomunicações Telmex.

"É possível e desejável", disse o chefe da reguladora de telecomunicações mexicana Cofetel, Mony de Swaan, à Reuters nesta terça-feira, questionado sobre se a Telmex fará sua estréia no setor televisivo ainda em 2010.

"Ao nível de governo, não podemos continuar falando em convergência (dos serviços de telecomunicações) ao mesmo tempo que impomos barreiras artificiais para as empresas ", afirmou.

A Telmex, que controla 80 por cento das linhas de telefonia fixa do México, há tempos busca a aprovação do governo para acrescentar a televisão aos serviços de telefone e Internet que oferece aos seus consumidores.

A medida ajudaria a Telmex a entrar no mercado atualmente dominado por redes de TV e filiadas de TV por assinatura do Grupo Televisa, maior produtora de conteúdo televisivo em espanhol do mundo.

Mas até agora, a Telmex vem encontrando obstáculos no governo e entre suas concorrentes, que afirmam que a companhia não cortou as taxas de uso de sua gigante rede de transmissão por outras operadoras, algo que a Telmex nega.

O setor de televisão é considerado vital para a sobrevivência da Telmex já que a companhia vem perdendo clientes para concorrentes menores com pacotes mais baratos de serviços de Internet, televisão e telefone.

A empresa está lutando para consolidar seus negócios com Internet, para compensar a queda nas receitas de linhas fixas e ligações de longa distância, uma vez que consumidores estão optando por celulares e os serviços de Internet de empresas de TV por assinatura.

(Reportagem adicional de Tomas Sarmiento)