Fabricante de telas LCD processa Sony por quebra de patentes

segunda-feira, 23 de agosto de 2010 19:59 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - A taiuanesa Chimei Innolux abriu sua segunda ação contra a Sony por violação de patentes em telas LCD usadas nos consoles de videogame PlayStation 3, além de televisores, notebooks e câmeras da marca.

Segundo a fabricante de telas, a Sony teria violado três de suas patentes em diversos produtos desde 1998.

A Chimei afirmou que a quebra das patentes ocorreu após ter investido milhões de dólares no desenvolvimento de telas LCD (sigla em inglês para liquid crystal display) e produtos relacionados.

A Sony é a segunda maior fabricante de câmeras digitais do mundo e terceira maior produtora de TVs de tela plana.

(Reportagem de Liana B. Baker)