eBay derrota Tiffany em processo de falsificação de joias

segunda-feira, 13 de setembro de 2010 15:10 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - Um juiz federal de Manhattan desconsiderou nesta segunda-feira um processo de seis anos aberto pela Tiffany & Co que acusava o site de leilões eBay de permitir a venda online de joias falsificadas com sua marca.

O juiz Richard Sullivan rejeitou a acusação da Tiffany contra o eBay de propaganda enganosa.

"A Tiffany não conseguiu estabelecer que o eBay intencionalmente agiu para enganar o público, muito menos de que a conduta do eBay foi de natureza errada o bastante para se presumir que os consumidores estavam sendo enganados", escreveu o juiz em sua decisão.

Em 1o de abril, um tribunal de apelações de Nova York havia decidido a favor do eBay sobre outras acusações levantadas pela Tiffany.