Pentágono se prepara para vazamento sobre Iraque pelo WikiLeaks

segunda-feira, 18 de outubro de 2010 09:44 BRST
 

Por Phil Stewart

WASHINGTON (Reuters) - O Pentágono disse neste domingo estar preparado com uma equipe de 120 pessoas para avaliar um vazamento gigante de até 500 mil documentos sobre a guerra no Iraque, previsto para ser divulgado no site WikiLeaks neste mês.

O coronel Dave Lapan, porta-voz do Pentágono, disse à Reuters que a data do vazamento ainda é incerta, mas o Departamento de Defesa dos Estados Unidos está preparado para a divulgação dos documentos ainda na segunda ou terça-feira, uma possibilidade divulgada anteriormente em comunicados do WikiLeaks.

Ainda assim, pessoas familiares ao vazamento disseram à Reuters que não esperam que o WikiLeaks divulgue os documentos confidenciais por pelo menos mais uma semana.

Se confirmado, o vazamento poderá ser muito maior que a divulgação recorde de mais de 70 mil documentos em julho sobre a guerra do Afeganistão. Foi a maior quebra de segurança desse tipo na história militar dos Estados Unidos.