Analistas esperam lucro trimestral maior para a Microsoft

terça-feira, 26 de outubro de 2010 17:19 BRST
 

Por Bill Rigby

SEATTLE (Reuters) - A Microsoft deve divulgar um aumento significativo em seu lucro trimestral nesta quinta-feira, impulsionado pelas novas versões de seu lucrativo software Office e o sucesso do videogame Halo; mas os problemas de curto e longo prazo que afetam a franquia Windows, base dos negócios da Microsoft, preocupam investidores.

A maior produtora de softwares do mundo vendeu um recorde de 240 milhões de licenças para seu sistema operacional Windows 7 em um ano desde seu lançamento. Mas as vendas abaixo do esperado de PCs limitam o crescimento do novo Windows, e alguns temem que o domínio do software, que é o principal produto da companhia, esteja sendo ameaçado pelo iPad da Apple, e a crescente tendência da computação móvel no mercado.

"Os vendedores de nossa cadeia de fornecimento e o setor de hardware vêem uma queda continuada nas vendas de PCs", disse o analista da McAdams Wright Ragen. "O que ninguém sabe ao certo é quanto disso de fato se deve ao consumo fraco e quanto se deve ao iPad".

As vendas de PCs --que geralmente ditam as vendas do Windows e as condições gerais do setor de tecnologia-- cresceram apenas 11 por cento, para 89,7 milhões de unidades, no período entre julho e setembro, segundo o grupo de estudos IDC, abaixo do esperado por seus pesquisadores, de um crescimento de 13,5 por cento. Para o atual trimestre, o IDC espera uma alta de 7,4 por cento nas vendas de PCs.

Os gastos corporativos continuam relativamente fortes, segundo grupos de pesquisa, mas os consumidores estão adiando suas compras de PCs, ou talvez prefiram comprar iPads, embora ainda seja muito cedo para confirmar se o novo aparelho da Apple realmente está afetando o mercado de PCs.

No entanto, a expectativa é de que a Microsoft divulgue um lucro bem mais alto que do terceiro trimestre de 2009, quando a economia mundial apenas começava a se recuperar da crise.

A companhia deve se beneficiar do lançamento de seu popular suite de softwares Office 2010, em maio deste ano, além do novo videogame Halo: Reach, que vendeu mais de 200 milhões de dólares no primeiro dia do lançamento, em setembro.

Wall Street espera um lucro de 0,55 dólar por ação, ante os 0,40 dólar por ação registrados um ano antes, segundo dados da Thomson Reuters I/B/E/S. Já em vendas, analistas esperam uma alta de 22 por cento para 15,8 bilhões de dólares sobre os 12,92 bilhões anteriores.