AOL encarrega Bank of America de estudar fusão com Yahoo--fontes

terça-feira, 9 de novembro de 2010 11:43 BRST
 

Por Nadia Damouni

NOVA YORK (Reuters) - A AOL encarregou o Bank of America de estudar opções estratégicas, entre as quais uma possível fusão com o Yahoo, de acordo com pessoas conhecedoras do assunto.

O banco de investimento Allen & Co., focado em mídia e entretenimento, também está assessorando a AOL quanto a suas opções, disse uma das fontes.

A ideia de combinar AOL e Yahoo ainda está em seu estágio inicial de consideração e pode não se materializar, segundo as fontes.

Mas um negócio com o Yahoo é atraente para Tim Armstrong, presidente-executivo da AOL, que acredita ser capaz de fazer um melhor trabalho dirigindo a companhia combinada, disseram as fontes.

"Primeiro é preciso abordar o Yahoo e ainda não estamos nem perto do momento de fazê-lo", disse uma das fontes.

Carol Bartz, presidente-executiva do Yahoo, conversa regularmente com presidentes-executivos de outras empresas, mas uma fonte próxima à companhia disse que isso de maneira alguma representa sugestão de que conduz discussões ativas sobre possíveis transações com qualquer um deles.

A fonte disse que o Yahoo não está fazendo ou solicitando propostas.

Conseguir uma fusão entre AOL e Yahoo em base de troca de ações é um grande desafio, de acordo com outra das fontes.   Continuação...