Tablets baseados no Android devem tomar espaço do iPad em 2011

quinta-feira, 18 de novembro de 2010 10:28 BRST
 

LOS ANGELES (Reuters) - Tablets baseados no sistema operacional Android, do Google, tomarão parte das vendas do iPad, da Apple, e devem responder por 15,2 por cento do mercado em 2011, afirmou nesta quinta-feira a empresa de pesquisa IMS.

Segundo relatório da IMS, mais de 15 fabricantes devem comercializar tablets com base no Android até meados do ano que vem, incluindo Samsung Electronics, Acer, Cisco Systems e Dell.

Considerando a relevância desses equipamentos, a empresa de pesquisas prevê que em 2011 o Android esteja presente em 15,2 por cento do mercado de tablets, volume que deve aumentar para 28,4 por cento em 2015.

A Samsung informou que planeja vender 1 milhão de unidades do tablet Galaxy este ano.

"A disponibilidade do Galaxy por meio de operadoras móveis como a norte-americana AT&T rapidamente impulsionará a presença do Android no mercado de tablets", afirmou Anna Hunt, analista da IMS e responsável pelo estudo.

A empresa de pesquisas iSuppli prevê vendas de 15,6 milhões de tablets este ano, sendo que 13,8 milhões de unidades serão representadas pelo iPad. No ano que vem, o volume de tablets deve alcançar 57,3 milhões, enquanto o iPad deve responder por 43,7 milhões de unidades.