Attachmate comprará a Novell por US$ 2,2 bilhões

segunda-feira, 22 de novembro de 2010 14:16 BRST
 

NOVA YORK (Reuters) - A produtora de software Novell anunciou que será adquirida pela Attachmate, uma empresa de capital fechado, por 2,2 bilhões de dólares, em uma transação que envolve a venda de certos ativos para um consórcio comandado pela Microsoft

As ações da Novell subiram em 6,5 por cento, para 5,96 dólares, depois da notícia sobre o acordo na segunda-feira, mas ainda estão abaixo do valor pelo qual foram avaliadas para a transação, 6,10 dólares.

O acordo se segue à rejeição pela Novell, em março, de uma oferta não solicitada de aquisição feita pela Elliott Associates, ao valor de 5,75 dólares por ação. Depois de rejeitar a oferta, o conselho da Novell conduziu um processo de leilão em múltiplas rodadas que se estendeu por diversos meses.

"O conselho estudou todas as alternativas... e determinou que isso propiciará o melhor valor para os nossos acionistas," o que incluía a opção de manter a independência da empresa, disse Ron Hovsepian, presidente-executivo da Novell, em entrevista à Reuters.

A Novell informou que o valor de 2,2 bilhões de dólares inclui a venda simultânea de alguns ativos de propriedade intelectual a um consórcio da Microsoft conhecido como CPTN Holdings.

As duas vendas devem ser concluídas no primeiro trimestre do ano que vem. A aquisição da Novell pela Attachmate precisa ser aprovada pelas autoridades regulatórias e pelos acionistas da Novell. A venda dos demais ativos também está condicionada à conclusão da fusão com a Attachmate e a aprovação das autoridades regulatórias, afirmou a Novell.

A Novell afirmou que o preço de 6,10 dólares por ação representa ágio de 28 por cento ante seu preço de fechamento em 2 de março, pouco depois que a oferta da Elliott Associates foi revelada.

A Attachmate, prestadora de serviços de tecnologia, é controlada por um grupo de investimento liderado pela Francisco Partners, Golden Gate Capital e Thoma Bravo.

A Attachmate planeja operar a Novell como duas unidades, Novell e SUSE, em companhia de sua outra holdings, NetIQ, e antecipa que a empresa resultante tenha receita da ordem de um bilhão de dólares anuais.

(Reportagem de Sinead Carew e Nadia Damouni)