Gastos com tecnologia se recuperam e impulsionam setor nos EUA

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010 16:31 BRST
 

Por Ritsuko Ando

NOVA YORK (Reuters) - Wall Street pode ter subestimado a recuperação dos gastos corporativos, dado os resultados e projeções melhores que o esperado divulgados pela fabricante de softwares Oracle e a companhia de serviços de tecnologia Accenture.

Junto com as vendas da fabricante do BlackBerry, Research in Motion, que também superaram expectativas, as perspectivas pessimistas anunciadas pela Cisco Systems no mês passado podem ter sido um fenômeno único, segundo analistas.

As ações da Oracle saltaram 5,5 por cento, para 31,97 dólares, enquanto a Accenture disparou 8 por cento, para 50,43 dólares, no pregão desta sexta-feira, após a divulgação de resultados trimestrais positivos na véspera, após o fechamento do mercado.

"Parece que a demanda no setor corporativo está não apenas se mantendo neste final de ano como também está crescendo, o que é mais que esperávamos", disse o analista da Collins Stewart, Louis Miscioscia.

A Accenture, que oferece serviços de tecnologia terceirizados e de consultoria, afirmou que seus clientes começaram a aumentar seus investimentos para se preparar para a recuperação econômica e se atualizar às novas tecnologias, como a chamada computação em nuvem, ou 'cloud computing'.

"Há menos hesitação que antes", disse o presidente-executivo da companhia, William Green, à Reuters. "E há muito que as empresas precisam fazer".