China pede para UE encerrar investigação sobre dumping em modems

terça-feira, 21 de dezembro de 2010 15:34 BRST
 

PEQUIM (Reuters) - A China informou nesta terça-feira que espera que a União Europeia encerre investigação de queixas de que o país está promovendo dumping no mercado de modems sem fio no continente.

Companhias europeias e chinesas alcançaram um acordo básico sobre a disputa e o enviaram para a Comissão Europeia, afirmou o ministro do Comércio da China, Chen Deming, nesta terça-feira.

A UE lançou uma análise da reclamação em setembro. A China é acusada de promover dumping sobre modems sem fio de tecnologia WWAN que têm antena e fornecem conectividade de Internet a computadores.

"Esperamos que a Comissão possa tomar uma decisão para terminar a investigação assim que possível", afirmou Chen, citando que o órgão executivo da União Europeia já está pedindo opiniões de várias partes sobre o assunto.

A Comissão Europeia recebeu a reclamação de dumping pela belga Option, única fabricante dos dispositivos na Europa.

Os comentários de Chen acontecem em um momento em que a China espera reduzir a escalada da tensão comercial com o parceiro comercial.

"O aumento das investigações comerciais da UE sobre produtos chineses este ano é muito evidente. Estas investigações não são do interesse de relações comerciais saudáveis entre China e UE", afirmou o ministro.

(Por Michael Martina)