News Corp segue avaliando venda do MySpace, diz fonte

terça-feira, 4 de janeiro de 2011 08:37 BRST
 

NOVA YORK (Reuters) - A News Corp continua considerando a venda de sua rede social MySpace, mas uma fonte próxima do assunto afirmou à Reuters que não há negociações atualmente com potenciais compradores.

A CNBC citou fontes na segunda-feira que afirmaram que o grupo global de mídia está trabalhando para venda do site até meados de 2011.

A companhia sediada em Los Angeles vai demitir mais da metade de sua equipe em meio à estratégia da administração para acelerar a recuperação do site deficitário, afirmou a fonte.

Uma porta-voz do MySpace não comentou o assunto.

A Reuters publicou em novembro que a News Corp estava aberta para a venda do MySpace depois de seu relançamento como site de entretenimento.

Uma reformulação bem sucedida do site, que é visitado por cerca de 60 milhões de usuários por mês, é vista como uma oportunidade para venda da rede.

O vice-presidente operacional da News Corp, Chase Carey, afirmou a investidores em novembro que o MySpace tinha "trimestres" e não anos para recuperar sua situação.

O MySpace, que já foi uma das redes sociais de crescimento mais rápido da Web, foi superado pelo Facebook, que afirma ser visitado por cerca de 150 milhões de usuários por mês.

(Por Ynka Adegoke)