Intel oferece concessões à UE para aprovar compra da McAfee

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011 16:59 BRST
 

Por Jim Finkle e Bate Felix

BOSTON/BRUXELAS (Reuters) - A Intel ofereceu concessões na busca pela aprovação de reguladores da União Europeia para sua aquisição da fabricante de software de segurança McAfee por 7,7 bilhões de dólares.

As ações da McAfee, segunda maior companhia do setor depois da Symantec, subiram 1,7 por cento após a notícia, enquanto que as ações da Intel registraram queda de 1,6 por cento.

A Comissão Europeia, órgão regulador da UE, disse em seu site que estendeu o prazo de 12 para 26 de janeiro após a Intel afirmar que iria se comprometer a lidar com as questões de concorrência que a operação levanta.

A Comissão não deu detalhes sobre as concessões, e o porta voz da Intel Chick Mulloy não quis comentar o caso, afirmando que tais concessões são assunto privado.

Mas Mulloy disse que a Intel espera concluir a aquisição da McAfee até o fim do primeiro semestre do ano.

A Comissão teme que a Intel possa embutir certos elementos da tecnologia anti-vírus da McAfee em seus chips para PC, que são os microprocessadores mais usados do mundo, o que lhe daria uma vantagem injusta sobre concorrentes, segundo duas fontes próximas ao caso.