Hackers "comemoram" aniversário de filho de Kim Jong-il na web

domingo, 9 de janeiro de 2011 11:28 BRST
 

SEUL (Reuters) - Hackers atacaram as contas oficiais da Coreia do Norte no YouTube e no Twitter e publicaram um desenho que mostra o herdeiro de Kim Jong-il aparentemente dirigindo um carro esportivo contra uma multidão de compatriotas famintos.

O ciber-ataque ocorreu no sábado, provável aniversário do próximo líder norte-coreano, Kim Jong-un, e pedia uma revolta contra a dinastia comunista que toma conta do país.

A invasão dos hackers ocorre em meio a um momento no qual a Coreia do Norte pediu diálogo com a Coreia do Sul para aliviar tensões agravadas por ataques de artilharia entre as nações e o afundamento de um navio sul-coreano no ano passado.

Uma das mensagens postada no Twitter oficial da Coreia do Norte informava que o convalescente Kim Jong-il e seu filho eram inimigos declarados. Outra pedia a saída do atual líder por realizar festas em sua luxuosa casa de campo enquanto três milhões de compatriotas morriam de fome.

Várias pessoas em um fórum sul-coreano da Internet, chamado Dcinside, reivindicaram a responsabilidade pelo ataque.

Uma sátira de dois minutos postada na conta oficial da Coreia do Norte no YouTube mostrava Kim Jong-un atropelando um grupo de pessoas famintas e um trem, lotado de presentes de aniversário para ele, descarrilando após atingir crianças nos trilhos.

A conta no YouTube é frequentemente usada pelos norte-coreanos para se comunicarem com o resto do mundo.

Não houve comentário imediato do Norte sobre os atos dos hackers. A agência de notícias KCNA, porta-voz oficial do governo, também não reportou eventos públicos ou festivais em comemoração ao aniversário de Kim Jong-un.

Muito pouco é conhecido fora da Coreia do Norte sobre Kim Jong-un, que é o filho mais novo de Kim Jong-il.

(Reportagem de Ju-min Park)

 
<p>P&aacute;gina da Coreia do Norte no Youtube atacada por hackers mostra o filho do l&iacute;der Kim Jong-il, Kim Jong-un, atropelando moradores pobres do pa&iacute;s com um carro esportivo. 09/01/2011 REUTERS/Lee Jae-Won</p>