Ações da Nvidia disparam 15% com investidor atento à mobilidade

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011 19:26 BRST
 

Por Noel Randewich

SAN FRANCISCO (Reuters) - As ações da Nvidia dispararam 15 por cento nesta quarta-feira, estendendo o recente rali iniciado pelo otimismo com seus negócios de chips móveis e por um acordo judicial de 1,5 bilhão de dólares com a Intel.

As ações da empresa terminaram o dia valendo 23,35 dólares, elevando a valorização dos papéis em janeiro para cerca de 50 por cento, com investidores apostando no novo chip móvel Tegra 2 da companhia sediada em Santa Clara, Califórnia.

"A ação está sendo negociada puramente pelo otimismo do momento agora", disse o analista Patrick Wang, da Wedbush.

Ele estima que a Nvidia, que enfrentou atrasos no lançamento de seus chips Tegra, possa ganhar fatia de 30 por cento no mercado de tablets e smartphones em dois anos.

A Nvidia fez seu nome desenvolvendo chips gráficos de alta potência para PCs. Mas, enfrentando crescente competição nesse mercado da AMD e da Intel, o co-fundador da empresa e presidente-executivo, Jen-Hsun Huang, apostou em chips para dispositivos móveis baseados na arquitetura da ARM Holdings com a tecnologia própria de gráficos da Nvidia.

A Intel informou no começo desta semana que vai pagar 1,5 bilhão de dólares para a Nvidia para licenciar suas patentes, encerrando uma disputa legal e validando o foco da Nvidia em tecnologia gráfica.