Vendas de computadores crescem 13,6% em 2010

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011 09:39 BRST
 

SAN FRANCISCO (Reuters) - As vendas de computadores pessoais registraram ligeiro avanço no quarto trimestre de 2010, informaram empresas de pesquisas do setor na quarta-feira, afetadas pela fraca demanda de consumidores no final do ano e pela concorrência com o iPad, da Apple.

Em 2010 como um todo, os embarques de PCs aumentaram 13,6 por cento, para 346,2 milhões de dólares, segundo o grupo de pesquisa IDC, que estima crescimento inferior à previsão anterior de 10 por cento para este ano.

Entre outubro e dezembro, os embarques de PCs cresceram 2,7 por cento, para 92,1 milhões de dólares, informou o IDC, que previa aumento de 5,5 por cento para o período.

Já a Gartner informou que as vendas no último trimestre do ano passado subiram 3,1 por cento.

"Se olharmos para Europa e Estados Unidos, o mercado não foi bom. Parte disso foi (por causa) dos tablets", disse o analista do IDC Jay Chou. "Netbooks são passado e as pessoas não têm dinheiro para gastar".

O iPad, lançado em abril de 2010, ajudou a impulsionar um novo mercado para computadores tablet e dezenas de novos modelos devem ser lançados este ano, consumindo ainda mais a demanda por computadores tradicionais.

O IDC não inclui tablets nas estimativas para a indústria, mas afirma que este mercado deve superar 50 milhões de unidades em 2011.

A Hewlett-Packard manteve a liderança no ranking de PCs no quarto trimestre, embora as vendas tenham diminuído acompanhando a queda da participação de mercado da companhia para 19,5 por cento, conforme o IDC.

A Dell ficou em segundo lugar, com alta de cerca de 4 por cento nos embarques. Em terceiro, a Acer viu as vendas recuarem 15 por cento.

(Por Gabriel Madway)