Thomson Reuters prevê aumento da receita em 2011

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011 13:25 BRST
 

Por Jennifer Saba

NOVA YORK (Reuters) - A Thomson Reuters espera aumento da receita em 2011, após forte crescimento no quarto trimestre e mais sinais de que os clientes financeiros e profissionais estão se recuperando da recessão.

A companhia --que fornece notícias e informações a bancos e profissionais de direito, contabilidade e saúde-- informou nesta quinta-feira estimar que a receita neste ano suba ao redor de 5 por cento. Analistas projetam, em média, expansão de cerca de 4 por cento, de acordo com a Thomson Reuters I/B/E/S.

A companhia elevou seu dividendo anual em 7 por cento, para 1,24 dólar por ação.

A previsão de receita sugere que os clientes da empresa estão se recuperando da recessão global que causou uma redução de gastos e demissões.

"Um choque como o que o mundo atravessou deixa uma cautela por um tempo", disse o presidente-executivo da Thomson Reuters, Tom Glocer, em entrevista. "Mas não há dúvida que as condições em si estão ficando melhores em muitos de nossos mercados."

Ainda assim, o lucro ajustado no quarto trimestre, de 0,43 dólar por ação, ficou aquém da média das expectativas de analistas, de 0,46 dólar por ação.

A receita aumentou 4 por cento no quarto trimestre, para 3,46 bilhões de dólares, antes de variações cambiais, graças a um aumento de 7 por cento no faturamento da divisão Professional, cujos clientes incluem advogados e contadores. A receita na divisão Markets aumentou 2 por cento.

Analistas previam receita total de 3,43 bilhões de dólares para o último trimestre.   Continuação...