Etiqueta no uso de celular está ficando pior --pesquisa

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011 16:40 BRT
 

NOVA YORK, 25 de fevereiro (Reuters Life!) - Seja pelo hábito de enviar mensagens de texto durante o jantar, falar no celular em banheiros públicos ou usar o laptop enquanto se dirige, a maioria das pessoas acredita que a etiqueta no uso de aparelhos móveis está piorando.

Noventa e um por cento dos adultos norte-americanos entrevistados para uma pesquisa da Intel afirmam que já observaram pessoas fazendo uso inadequado da tecnologia. Três quartos pensam que as boas maneiras enquanto se usa um celular pioraram no último ano.

"Novas tecnologias digitais estão se tornando parte da vida dos consumidores, mas ainda não descobrimos quais serão os tipos de comportamento e expectativas para nós mesmos, nossas famílias, comunidades e sociedades no futuro", afirmou a chefe da unidade de pesquisa sobre interação e experiência na Intel, Genevieve Bell.

A pesquisa feita junto a 2 mil pessoas revelou que a maioria dos adultos dos Estados Unidos desejam que os outros tenham melhor etiqueta ao usarem seus celulares e aparelhos móveis, e acham a falta de boas maneiras ao celular extremamente irritante. Mesmo assim, 20 por cento delas admitiram ter más maneiras.

Quase 75 por cento disseram que a falta de boas maneiras ao celular criou novas formas de desentendimento entre as pessoas e 65 por cento admitiram ficar nervosos com quem usa seus aparelhos de forma errada.

Os comportamentos mais irritantes foram o uso de aparelhos móveis no trânsito, assim como falar alto no celular em um lugar público e andar na rua enquanto se escreve uma mensagem de texto ou se fala no telefone.

Pessoas disseram ter visto, em média, cinco casos de comportamento ofensivo por dia, de acordo com a pesquisa. Cerca de um quarto das pessoas afirmou ter visto alguém usar um laptop enquanto dirigia. Um a cada cinco disse ter checado seus aparelhos móveis antes de sair da cama de manhã.

(Reportagem de Patricia Reaney)