Ações da Alcatel-Lucent sobem com rumores sobre aquisição

quinta-feira, 3 de março de 2011 16:22 BRT
 

Por Blaise Robinson e Tarmo Virki

PARIS/HELSINQUE (Reuters) - As ações da fabricante de equipamentos de telecomunicações Alcatel-Lucent chegaram a disparar 11 por cento nesta terça-feira, com rumores no mercado de que a empresa é potencial alvo de compra de uma companhia chinesa, afirmaram investidores.

As ações da companhia fecharam a sessão de quinta-feira em alta de 6,42 por cento, a 3,83 euros, na bolsa de Paris.

Também foram citados rumores positivos sobre a realização de roadshow pela gerência da empresa nos Estados Unidos.

A Alcatel compete com a chinesa Huawei e a ZTE no mercado de equipamentos de telecomunicações. No ano passado houve rumores de que a Huawei queria comprar uma fatia da Alcatel.

Um porta-voz da Huawei afirmou nesta quinta-feira que a empresa "não tem planos de investir na Alcatel-Lucent", e um porta-voz da Alcatel se negou a comentar os rumores.

O analista da MacQuarie, Nicolas von Stackelberg, afirmou que estava cético sobre uma possível oferta de aquisição da empresa chinesa.

"Uma oferta de uma empresa chinesa não tem chance de ser bem-sucedida, pois a Alcatel-Lucent é, em boa parte, composta pela norte-americana Lucent. E os americanos não querem chineses em seu mercado. Não vai acontecer", ele disse.

Muitos investidores também citaram um comentário otimista da Barclays Capital, que estaria impulsionando as ações da Alcatel.

"Continuamos vendo a Alcatel-Lucent como a empresa melhor posicionada em um mercado competitivo de companhias de telecomunicações e aumentamos nossas expectativas sobre ela", afirmaram analistas da Barclays no comunicado.

(Reportagem adicional de Chris Steitz em Frankfurt, Johannes Hellstrom em Estocolmo e Marie Mawad em Paris)