Apple processa Amazon por uso da marca App Store

terça-feira, 22 de março de 2011 15:16 BRT
 

SAN FRANCISCO (Reuters) - A Apple abriu processo contra a Amazon.com para impedir o grupo de varejo online de utilizar indevidamente a marca registrada App Store, de acordo com documentos judiciais.

O processo, aberto em um tribunal federal norte-americano da Califórnia no final da semana passada, alega que a Amazon vem utilizando indevidamente a marca App Store, registrada pela Apple, para contatar criadores de aplicativos nos Estados Unidos.

A Apple solicitou registro de App Store como marca registrada nos EUA, apesar da oposição da Microsoft ao pedido. A questão está sendo decidida por um conselho de julgamento de marcas registradas, de acordo com o processo.

"Solicitamos que a Amazon não copiasse o nome App Store porque isso pode confundir e enganar os consumidores," disse Kristin Huguet, porta-voz da Apple, na segunda-feira.

A Amazon.com não respondeu de imediato a um pedido de comentário.

O processo alega que a Amazon está usando indevidamente a marca App Store em conexão ao que a empresa define como "Amazon Appstore Developer Portal", e também em outros casos, como anúncios para uma versão do popular jogo para celulares Angry Birds.