Microsoft apresenta queixa contra o Google à União Europeia

quinta-feira, 31 de março de 2011 09:43 BRT
 

Por Bill Rigby e Foo Yun Chee

SEATTLE/BRUXELAS (Reuters) - A Microsoft intensificou sua rivalidade com o Google ao apresentar uma queixa às autoridades antitruste da União Europeia alegando que o grupo de buscas prejudica sistematicamente os mecanismos concorrentes na Internet.

É a primeira vez que a Microsoft --também objeto de processos antitruste na Europa e nos Estados Unidos-- faz uma queixa às autoridades regulatórias por motivos de competição.

No documento apresentado nesta quinta-feira a Microsoft alega que o Google se envolve em um "padrão de ações" que bloqueiam deslealmente a concorrência.

O Google detém mais de 90 por cento do mercado de publicidade vinculada a buscas na Europa, enquanto o Microsoft Bing enfrenta dificuldades para conquistar participação de mercado.

O Google já está sendo investigado pela Comissão Europeia, devido a queixas de três pequenas empresas, uma delas controlada pela Microsoft.

O gigante de buscas não rebateu publicamente as alegações da Microsoft, mas demonstrou não estar excessivamente preocupado com a queixa.

"Não nos surpreende que a Microsoft tenha agido assim, já que uma de suas subsidiárias era um dos queixosos originais," disse Al Verney, porta-voz do Google.

"De nossa parte, continuamos a discutir o caso com a Comissão Europeia e é uma satisfação explicar a qualquer interessado como funciona o nosso negócio," acrescentou.   Continuação...