Acer indica novo presidente e reduz projeção de embarques

terça-feira, 19 de abril de 2011 12:53 BRT
 

TAIPEI (Reuters) - A Acer, de Taiwan, indicou o executivo Jim Wong como seu novo presidente, depois da renúncia abrupta de seu presidente-executivo anterior, no mês passado, e atribuiu a ele a responsabilidade por desenvolver novos aparelhos móveis que devem impulsionar o crescimento futuro da companhia.

A Acer, segunda maior fabricante mundial de computadores, vem sendo uma força nesse mercado, especialmente no segmento de netbooks de baixo custo, mas não conseguiu combater o grande sucesso de tablets como o iPad da Apple, que vem conquistando grandes vendas e reduzindo seus lucros.

O ex-presidente executivo Gianfranco Lanci deixou a empresa em 31 de março devido a divergências quanto à estratégia necessária para enfrentar o desafio dos tablets, o que Wong pretende fazer por meio de uma nova unidade de negócios cujo objetivo será conquistar avanços no mercado móvel.

"A indicação de Jim Wong é positiva para a estabilidade executiva, porque ele já ocupava posição importante na Acer, liderando o grupo de produtos móveis," disse Vincent Chen, analista da Yuanta Securities, em Taipei.

A empresa desenvolverá produtos para consumo de dados, computadores tablet e smartphones, informava o comunicado.

"Os aparelhos móveis e com tela de toques criaram muitas oportunidades novas. Formam os novos negócios da Acer e representam o propulsor de seu futuro crescimento," afirmou Wong em comunicado na terça-feira.

Em um sinal das dimensões do desafio, a Acer reduziu suas projeções de embarque neste trimestre, com uma queda de 10 por cento ante o primeiro trimestre. No mês passado, ela havia previsto para o segundo trimestre embarques iguais ao do primeiro.

A empresa mencionou sua recente reorganização, ajustes em seus estoques e uma desaceleração sazonal no setor de computadores como motivos para a redução, e não o avanço dos tablets, e acrescentou que sua margem de lucro operacional no segundo trimestre continuaria semelhante à do primeiro.

"A projeção de embarques é específica para a Acer, e não setorial", disse Chen. "O motivo deve ser o estoque elevado, e a companhia pode ter de tomar medidas como um corte de preços. Suas ações continuam sob pressão."

 
<p>O executivo da Acer Jim Wong fala em coletiva de imprensa em Nova York, em mar&ccedil;o de 2008. Wong foi indicado para a presid&ecirc;ncia da companhia ap&oacute;s a ren&uacute;ncia do presidente-executivo anterior, Gianfranco Lanci. 12/03/2008 REUTERS/Keith Bedford</p>