EUA permitem reabertura de 2 dos 3 sites de pôquer fechados

quarta-feira, 20 de abril de 2011 16:39 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - Procuradores dos Estados Unidos concordaram nesta quarta-feira em permitir que duas das três empresas de jogos de azar online acusadas de fraudes somando 3 bilhões de dólares reabram seus sites, parcialmente para permitir a clientes retirar seu dinheiro.

Autoridades norte-americanas fecharam os domínios de Internet das empresas na sexta-feira passada, e acusaram 11 pessoas de enganarem órgãos reguladores e bancos para que processassem dinheiro proveniente de jogos de azar ilegais.

Com os acordos anunciados nesta quarta-feira, a PokerStars e a Full Tilt Poker podem reabrir seus sites para permitir que jogadores retirem fundos de suas contas e que pessoas de fora dos EUA joguem pôquer aplicando dinheiro. As companhias concordaram em não permitir jogos de pôquer envolvendo dinheiro ou outros bens especificamente nos EUA.

O acordo também requer a indicação de um monitor independente para verificar se as companhias estão obedecendo às regras.

A procuradoria do distrito Sul de Nova York disse que o mesmo acordo está disponível para a Absolute Poker, terceira companhia envolvida na acusação da semana passada.

As acusações, abertas em 15 de abril no tribunal federal de Manhattan, fazem parte de medidas de repressão a jogos de azar na Internet nos EUA, onde eles são ilegais desde 2006.

(Reportagem de Caroline Humer)