Lucro da Netflix cresce, mas previsões desapontam o mercado

segunda-feira, 25 de abril de 2011 19:44 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - A Netflix reportou resultados melhores que os esperados pelo mercado nesta segunda-feira, mas não conseguiu impressionar investidores acostumados a desempenhos espetaculares e projeções otimistas.

As ações da Netflix recuaram 5 por cento após a divulgação de seu balanço, sinal de que nada menos que um resultado perfeito será suficiente para a companhia, cujas ações praticamente triplicaram no ano passado.

Embora a Netflix tenha reportado lucro de 60,2 milhões de dólares, ou 1,11 dólar por ação --ante 32,3 milhões ou 0,59 dólar por ação sobre o mesmo período de 2010-- suas previsões receberam mais atenção.

A companhia afirmou que irá lucrar de 0,93 a 1,15 dólar por ação no segundo trimestre, frente a expectativas de analistas de 1,19 dólar por ação.

"A Netflix tem ações que seguem muito as tendências", disse Brett Harriss, analista da Gabelli & Co. "Provavelmente, houve alguma especulação de que teríamos outro trimestre espetacular e não tivemos".

A Netflix havia criado expectativas ao reportar trimestre após trimestre um crescimento fora do normal de sua base de assinantes. No primeiro trimestre, a Netflix teve acréscimo de 3,3 milhões de assinantes nos Estados Unidos que se somam à sua base de 23,6 milhões de clientes.

A receita saltou 46 por cento para 719 milhões de dólares. Analistas esperavam receita de 703,6 milhões, de acordo com a Thomson Reuters I/B/E/S. Os lucros foram 0,03 dólar superiores à previsão média de analistas, de 1,08 dólar por ação.

Os papeis da Netflix caíram para 238 dólares após a divulgação do balanço, após encerrarem o pregão a 251,67 dólares, com perda de 0,55 dólar, durante a sessão. Este ano, eles já acumulam alta de 44 por cento.

(Reportagem de Paul Thomasch)