ZTE processa Huawei na China por infração de patente

sexta-feira, 29 de abril de 2011 14:03 BRT
 

Por Lee Chyen Yee e Huang Yuntao

HONG KONG (Reuters) - A fabricante chinesa de equipamentos para telecomunicações ZTE Corp abriu processo contra a rival maior Huawei Technologies, no mais recente episódio de que as companhias de tecnologia estão cada vez mais competindo em tribunais, além de no mercado.

Empresas como Ericsson, Samsung e Apple também abriram processos contra rivais, buscando impedi-los de copiar tecnologia proprietária ou como forma de forçá-los a pagar mais royalties, afirmam analistas.

A ZTE, segunda maior fabricante de equipamentos de telecomunicações da China, informou na sexta-feira que seu processo contra a Huawei, que atua no mesmo segmento é a maior da China e segunda maior do mundo, infringiu sua patente sobre a tecnologia LTE, considerada quarta geração da telefonia móvel. O processo foi aberto um dia depois que a ZTE foi acionada pela Huawei na Europa.

A Huawei afirma que a ZTE infringiu uma série de patentes da empresa relacionadas a cartões de dados e tecnologia LTE, que está ganhando aceitação mundial. A empresa afirma ainda que a ZTE usou uma marca registrada da Huawei em alguns de seus cartões de dados.

"A ZTE continuará a usar meios legais para proteger sua propriedade intelectual no mundo e também para assegurar que seus direitos não sejam infringidos", disse a ZTE nesta sexta-feira. "Contudo, consideramos que competição de patentes não deveria se tornar o principal meio de concorrência na indústria."

Representantes da Huawei não estavam disponíveis para comentar o assunto.