Ações da Microsoft têm maior queda em um dia desde 2009

sexta-feira, 29 de abril de 2011 16:52 BRT
 

SEATTLE (Reuters) - As ações da Microsoft registraram a maior queda em quase dois anos nesta sexta-feira, um dia após a companhia divulgar queda nas vendas do sistema operacional Windows.

A segunda maior companhia de tecnologia dos Estados Unidos, atrás apenas da Apple, atingiu a previsão de lucro trimestral de Wall Street e superou a estimativa de vendas totais na quinta-feira.

Mas investidores temem que a desaceleração das vendas de computadores pessoais possam prejudicar a comercialização do Windows e do Xbox, reduzindo as margens de lucro e resultando em perdas para a empresa.

As ações da Microsoft caíam 3,6 por cento às 16h50 (horário de Brasília), maior queda percentual em um dia desde julho de 2009.

(Reportagem de Bill Rigby)