Twitter quer adquirir TweetDeck por até US$ 50 milhões

terça-feira, 3 de maio de 2011 12:14 BRT
 

Por Alexei Oreskovic

SAN FRANCISCO (Reuters) - O Twitter apresentou oferta para adquirir o TweetDeck, um popular aplicativo utilizado para acesso a redes sociais na Internet, por até 50 milhões de dólares, de acordo com uma pessoa informada sobre o assunto.

A transação, a ser paga em dinheiro e ações, deve ser fechada em menos de 10 dias, segundo a fonte, e pode representar uma das maiores aquisições realizadas até hoje pelo Twitter, criado há cinco anos.

A compra ofereceria ao Twitter um aplicativo que conquistou elogios dos usuários mais sofisticados devido à interface elegante e capacidades reforçadas, e encerraria uma potencial ameaça aos serviços em rápido crescimento do Twitter.

O TweetDeck esteve envolvido em discussões de aquisição com a UberMedia, uma companhia de Internet criada pelo empresário Bill Gross, mas os valores mencionados eram inferiores à oferta do Twitter. A UberMedia vem acumulando uma coleção de aplicativos para o Twitter, que segundo especulações de alguns comentaristas poderiam ser usados no futuro para a criação de uma rede social rival.

O acordo de exclusividade quanto à oferta da UberMedia pelo TweetDeck expirou na metade de abril, o que permite que a empresa negocie com o Twitter, de acordo com a fonte.

Um porta-voz do Twitter informou que a empresa não comenta sobre boatos. O TweetDeck e a UberMedia não responderam de imediato a pedidos de comentário.

A oferta surge pouco mais de um mês depois do retorno de Jack Dorsey, co-fundador do Twitter, à companhia, como presidente do conselho e encarregado de desenvolvimento de produtos.

O Twitter, que permite que usuários enviem mensagens de texto de 140 caracteres, os tweets, a grupos de chamados seguidores, é um dos mais populares serviços de redes sociais da Web, em companhia do Facebook e Zynga.   Continuação...