Yudu lança serviço para editoras a driblar comissão da Apple

quinta-feira, 5 de maio de 2011 15:21 BRT
 

LONDRES (Reuters) - A companhia de tecnologia digital Yudu lançou um serviço nesta quinta-feira que permite que editoras de revistas evitem a comissão de 30 por cento cobrada pela Apple na entrega de conteúdo a iPhones e iPads pela App Store.

O Yudu, cujas ferramentas de publicação online ajudam empresas a adaptarem seus conteúdos para computadores tablet, smartphones e leitores de livros digitais, afirmou que a Apple reconheceu o serviço como adequado a seus termos e condições.

A Apple não comentou o assunto de imediato.

O novo sistema de assinatura do Yudu, cujos clientes incluem a Reader's Digest e a Haymarket, permite que os usuários baixem publicações em aparelhos da Apple por meio da App Store, mesmo quando a compra é feita diretamente com a editora.

A Apple, que tem um longo histórico de relações tensas com as empresas de mídia, recentemente impôs novas regras para tentar forçar editoras a passar pela App Store, permitindo à empresa recolher comissões de venda e informações de clientes.

A Apple bloqueou o aplicativo de livros digitais da Sony porque ele permitia que os usuários lessem em seus iPhones livros comprados pela loja da companhia japonesa.

(Reportagem de Georgina Prodhan)