Gilpérez assume presidência-executiva da Telesp-Vivo

terça-feira, 10 de maio de 2011 20:26 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Telesp, concessionária de telefonia fixa de São Paulo controlada pela Telefónica, informou que o presidente-executivo (CEO) da companhia resultante da união com a operadora móvel Vivo, também do grupo espanhol, será Luis Miguel Gilpérez.

Gilpérez está há mais de 30 anos no Grupo Telefónica, tendo sido diretor-geral de Negócios Móveis da Telefónica Internacional.

De acordo com nota à imprensa da unidade brasileira da Telefónica na terça-feira, a nova estrutura de gestão do grupo no Brasil foi aprovada em reuniões dos Conselhos de Administração de Telesp e Vivo.

"A nova estrutura privilegia a integração dos negócios fixo e móvel e organiza as operações comerciais em duas unidades: uma de mercado individual (que inclui os segmentos individual e residencial... e outra de mercado empresas, que reúne os segmentos de grandes clientes corporativos, de pequenas e médias empresas e atacado", informou a empresa.

Segundo a companhia, a estrutura vai permitir ao grupo "aproveitar todos os ganhos da atuação integrada das empresas Vivo e Telesp, avançando em direção a ofertas convergentes de serviços de telecomunicações e Internet em banda larga, além de TV por assinatura".

Antonio Carlos Valente permanece como presidente da subsidiária brasileira do grupo espanhol e também como chairman da Telesp.

Com a compra da Vivo, no ano passado, o grupo espanhol assumiu a liderança no setor de telecomunicações do Brasil, com presença nacional, mais de 76 milhões de clientes e receita líquida na faixa dos 36 bilhões de reais em 2010.

Em 4 de maio, a Vivo havia informado a decisão de seu presidente-executivo, Roberto Lima, de deixar a companhia.

(Reportagem de Cesar Bianconi)