Toshiba compra suíça Landis+Gyr por US$2,3 bi

quinta-feira, 19 de maio de 2011 08:14 BRT
 

Por Isabel Reynolds

TÓQUIO (Reuters) - A Toshiba anunciou nesta quinta-feira a compra da suíça Landis+Gyr em um acordo avaliado em 2,3 bilhões de dólares, incluindo dívida, na expectativa de ingressar no promissor mercado internacional de redes de energia inteligentes.

A operação, que já tinha sido sinalizada ao mercado, acontece no momento em que as esperanças da Toshiba de lucro crescente em sua divisão de energia nuclear estão sendo reduzidas pela crise vivida pelo reator atômico da usina de Fukushima, atingida pelo terremoto e tsunami de março. Mas também ocorre em um momento em que as companhias de energia ao redor do mundo estão se focando em redes inteligentes como forma de economizar eletricidade e reduzir emissões de carbono.

O mercado de redes inteligentes deve crescer seis vezes, para 5,8 trilhões de ienes (70,9 bilhões de dólares) ao longo da próxima década, afirmou a Toshiba.

"Eu creio que seria quase impossível para a Toshiba criar um negócio como este organicamente", disse o analista Damian Thong, do Macquarie Equities Research.

Redes inteligentes são projetadas para acomodar uma série de opções de geração de energia, incluindo renováveis, e para fornecer aos consumidores e distribuidoras informações em tempo real, permitindo a eles administrar mais o uso e oferta de energia de maneira mais eficiente.

A Landis+Gyr é fabricante de medidores inteligentes e módulos de comunicação, componentes importantes dessas redes. A companhia compete com empresas como Itron e EnerNoc.

A empresa foi fundada em 1896 e é controlada por vários fundos de investimento e investidores individuais. A companhia atende mais de 8 mil empresas de energia elétrica no mundo e tem 5 mil funcionários em mais de 30 países.