Multa de US$1 bilhão da América Móvil é suspensa no México

terça-feira, 7 de junho de 2011 16:17 BRT
 

CIDADE DO MÉXICO (Reuters) - Uma multa de 1 bilhão de dólares contra a empresa de telecomunicações do bilionário Carlos Slim, a América Móvil, foi suspensa momentaneamente enquanto órgãos antitruste consideram um recurso da companhia.

A multa sobre a Telcel, empresa de aparelhos móveis da América Móvil, foi imposta em 7 de abril após uma investigação de quatro anos pela Comissão Federal de Competição (CFC) do México.

O órgão acusa a Telcel, que opera a maior rede para aparelhos móveis no país, de abusar de sua posição dominante no mercado ao cobrar tarifas excessivas pelo acesso à rede, sufocando a competição.

A América Móvil disse que apelaria contra a decisão. A CFC afirmou em um anúncio em seu site em 3 de junho que avaliaria o recurso da companhia.

"Os efeitos da decisão do órgão em 7 de abril serão suspensos", disse o comunicado da CFC.

A América Móvil nega que esteja fazendo algo errado e Slim afirmou que suas rivais deveriam investir mais em suas próprias redes em vez de esperar tarifas da Telcel a preço de barganha.